fechar
fechar

Seu voto foi registrado. Agradecemos sua participação.

Seu voto já foi computado nas últimas 24 horas.

Resultado parcial

Atenção: o resultado desta enquete não tem valor de amostragem científica e se refere apenas a um grupo de
                 leitores do Agora Online.
Redes sociais
voltar

Trânsito

- 29-11-2012 - 19h51min
fechar
enviar Máximo 500 caracteres
* Ao enviar qualquer comentário, o usuário declara-se ciente e aceita integralmente o termo de uso
fechar

Comunicar erro

Se você encontrou alguma informação que esteja errada, utilize este espaço para reportar erros.

enviar Máximo 500 caracteres
fechar

Envie esta notícia para um amigo

» Adicionar mais um destinatário

enviar Máximo 500 caracteres

Acidente mata carona de moto

fechar

Galeria de vídeo

fechar

Galeria de áudios

No início da manhã desta quinta, 29, foi registrado um grave acidente de trânsito no centro da cidade envolvendo um caminhão e duas motocicletas. A colisão resultou na morte de Willian dos Santos da Silva, de 21 anos, que estava na carona de uma das motos.

Conforme os registros policiais, na manhã desta quinta-feira, 29, por volta das 7h25min, uma guarnição do 6º Batalhão de Polícia Militar (BPM), realizava um patrulhamento de rotina, quando foi solicitada a comparecer na rua 24 de Maio, centro, para atender um acidente de trânsito.

Chegando ao local da chamada, os PMs foram informados de que o caminhão VW/24.250CNC 6X2, branco, placas MIR 9839, de Jaraguá do Sul, do estado de Santa Catarina, conduzido por O.H., de 30 anos, trafegava pela rua General Vitorino, quando avançou o sinal amarelo do semáforo, localizado na esquina com a rua 24 de Maio.

Neste momento o caminhão acabou batendo em duas motos, uma Honda/CG 125 FAN KS, vermelha, placa IRR 1865, e a outra Honda/CG/125 FAN, verde, placa INQ 5071, que transitavam pela rua 24 de Maio, no sentido bairro/centro.

Os ocupantes das motocicletas foram socorridos e encaminhados ao pronto socorro da Santa Casa. Em virtude dos ferimentos sofridos na colisão, Willian veio a falecer quando estava sendo atendimento no hospital.

Como a cena do crime havia sido desfeita devido ao atendimento das vítimas, não foi possível a realização da perícia. Já os veículos foram recolhidos para um depósito autorizado pelo Detran.

 

Por Patrick Chivanski
patrick@jornalagora.com.br


comente Comentários(23)

Participe


Sua opinião Agora

resultado votar
Veja mais

Plantão



Comparte Jornal Agora - Todos os direitos reservados